Início > Sem categoria > Inter bi-mundial e campeão da Libertadores? É possível!

Inter bi-mundial e campeão da Libertadores? É possível!

Vitória eletrizante pode tornar o Inter bi-mundial sem o título continental

Primeiro vamos para o jogo. E que partida fizeram São Paulo e Inter na noite desta quarta-feira, pela semifinal da Libertadores.

O Tricolor paulista fez um primeiro tempo de encher os olhos. Vendo a raça e a vontade dos são-paulinos me peguei pensando que o futebol perdeu um pouco de sua característica mais marcante: a vontade de vencer.

O São Paulo jogou com uma vontade que eu não via há tempos no futebol, independente da equipe, do time que torço e outros fatores. Lembro do Corinthians em 1998, babando para conquistar o Brasileirão, do Palmeiras trucidando seus adversários no Paulistão em 1996, não só pelo futebol bonito, vistoso, mas pela “entrega” em campo.

O último dos moicanos... ops, dos raçudos!

Mas do outro lado tinha uma equipe competente, com um argentino dos mais “puro-sangue”, com raça para dar e vender, Guiñazu. Com outro hermano habilidoso, que cobrou a falta que Alecsandro, com inteligência, desviou para enganar Rogério Ceni.

Minutos depois, Ricardo Oliveira botou fogo no Morumbi. As torcidas deram show, e a do São Paulo surpreendeu, pois a do Inter é costumeiramente fogosa!

Numa noite memorável, até o previsível Ricardo Gomes, a evolução de Dunga, conseguiu substituir bem e montou sua equipe certinha, mas não foi possível transpassar a frieza gaúcha, que cozinhou o jogo muito bem, segurou a bola no ataque, se defendeu com muita eficiência (exceto pela falha de Renan e de Nei, que deu condições para o segundo gol são-paulino).

Por fim, nem o sempre consciente Rogério Ceni manteve os nervos no lugar e fez uma falta tola no último lance dentro da área, no que seria uma boa e a última oportunidade paulsita no jogo.

Mundial (?!)

E o regulamento estúpido (ou seria o formato da competição, ou os convites) da Libertadores pode colocar os gaúchos do Internacional em uma posição de certo constrangimento. Como o Chivas, clube mexicano, pertence à Concacaf, não poderá ficar com a vaga no Mundial da Fifa, a ser disputado em dezembro em Abu Dabi, pois o Pachuca, também do México, já será o representante do continente norte-americano.

Ou seja, se o Inter perder a decisão (que espero que não aconteça por uma certa simpatia com o Inter), o mesmo Inter, vice-campeão, vai para o Mundial. Ou seja, assim como o representante local, dos Emirados Árabes, que já tem vaga garantida, poderá ser campeão do mundo sem ter conquistado o continente.

São regras e devem ser seguidas.

Assim, uma discussão tola pode cair por terra, pois o Corinthians se consagrou o primeiro campeão mundial (sem desmerecer as outras conquistas intercontinentais) sem ter vencido uma Libertadores.

E o fez somente por ser o atual campeão brasileiro, ou seja, a melhor equipe do país à época, assim como o time dos Emirados Árabes agora.

A Austrália, o Japão, a Coreia do Sul e outras seleções já comprovaram na Copa que não são somente a Europa e a América do Sul que possuem bom futebol. Ainda não foram campeões, mas Itália, Espanha e outros já ficaram pelo caminho.

O que comprova que um Mundial não pode ser definido apenas por dois times.

Fico na torcida pelo Colorado!

Categorias:Sem categoria
  1. Bruno Molina
    08/08/2010 às 16:40

    O SP vacilou. Era para estar na final da Libertadores. O que complicou foi o gol lá no Sul..isso sim acabou com as chances do tricolor. Mas valeu! 3 canecos desta competição e 3 Mundiais não é pra qualquer um. Valeu!

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: